Entretenimento

Entretenimento

Esportes

Esportes

Notícias

Notícias

Tecnologia

Tecnologia

Vídeos

Vídeos

Página ínicial » Celulares

Skype e Mozilla apoiam isenção de royalties em celulares como o iPhone

Postado por em sexta-feira, 27 fevereiro 2009Nenhum Comentário

Por Macworld/EUA
Publicada em 19 de fevereiro de 2009 às 11h09
Atualizada em 19 de fevereiro de 2009 às 14h00

São Francisco – Fabricantes de software defendem jailbreak ‘legal’, que poderia permitir que usuários instalassem Firefox e Skype no iPhone.

Dois grandes fornecedores de software, Mozila e Skype, enviaram ao governo dos Estados Unidos documentos em apoio à proposta da Eletronic Frontier Foundation (EFF), de isentar celulares da lei de direitos autorais DMCA (Digital Millennium Copyright Act) permitindo, assim, que os usuários desbloqueiem seus aparelhos, numa prática conhecida como jailbreak.

A EFF defende que os usuários devem ter direito a instalar e utilizar qualquer software que desejarem em seus celulares – desde que não haja uso comercial de tal prática – como a venda do código de desbloqueio, por exemplo.

A Apple se declarou recentemente contra a isenção de DMCA para jailbreak de celulares. Legalmente, usuários de iPhones podem apenas utilizar aplicativos vendidos em sua loja online App Store.

No comunicado de três páginas (PDF aqui), a Mozilla argumenta que os usuários deveriam poder desbloquear seus aparelhos desde que usassem softwares adquiridos legalmente. A companhia também afirmou que a isenção de direitos autorais promoveria um “acesso aberto” à internet ao permitir que os usuários baixem e instalem o navegador de sua escolha.

Do mesmo modo, a Skype declarou que os usuários deveriam ser capazes de usar os aparelhos que quisessem, carregando os softwares que escolhesse, em quaisquer redes wireless, mesmo que tais programas ou aparelhos prejudicassem os planos de negócio da operadora da rede.

A Skype disse que já demonstrou anteriormente seu suporte tanto para políticas de “não travamento” quanto de “não bloqueio” que foram adotadas pela Federal Communications Commission (FCC).

Enquanto as duas empresas especulam sobre abertura e acesso como parte de suas declarações, fica difícil ignorar o fato de que ambas têm a ganhar com a isenção de DMCA, uma vez que lhes daria o apoio legal que elas precisam para justificar a criação do que seria certamente softwares muito populares para iPhone e outros aparelhos, como o browser Firefox ou o comunicador sobre IP Skype para iPhones, por exemplo.

Dan Moren, editor da macworld, dos EUA






Publicidade

Deixe o seu comentário

Adicione seu comentário abaixo, ou trackback do seu próprio site. Você pode também se inscrever a este comentário via RSS.

Dicas; Seja simpático. Mantenha o post limpo. Permaneça no tópico dos comentários. E nada de spam heim!




Você pode usar essas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O gravatar está ativado você pode usar o seu, se você não tem um Faça o seu gravatar aqui.