Entretenimento

Entretenimento

Esportes

Esportes

Notícias

Notícias

Tecnologia

Tecnologia

Vídeos

Vídeos

Página ínicial » Celulares

Telefone celular comanda games exibidos em telões dos EUA

Postado por em sábado, 3 janeiro 2009Nenhum Comentário

Ao ligar para número de telefone, usuários podem participar da competição.
Objetivo da empresa que oferece o serviço é transformar pedestres em jogadores.

Do G1, em São Paulo, 31/07/08 – 08h43

simulação

Quando liga para um número de telefone local, jogador passa a comandar com o telefone celular um avatar exibido no telão. (Foto: Divulgação)

Em seu slogan, a empresa norte-americana Megaphone diz transformar pedestres em jogadores. E é isso mesmo o que ela faz quando permite o uso de telefones celulares (“de qualquer modelo”, enfatiza) para controlar games exibidos em telões espalhados pelos Estados Unidos — estejam eles no meio da rua, em eventos corporativos, dentro de supermercados ou até em quadras de basquete.

Para participar desses games de múltiplos jogadores, os interessados devem ligar para um número de telefone local, exibido no telão. Quando completam a chamada (paga), seus avatares aparecem na tela, representados pelos quatro últimos números do celular. A partir daí, é só comandar em tempo real o personagem usando o teclado ou a voz. “Grite ‘reload’ se acabarem seus mísseis”, diz uma das instruções.

01519445000

Jogos da Megaphone já foram exibidos na famosa Times Square, em Nova York. Qualquer pedestre com telefone celular (e crédito) pode participar da brincadeira. (Foto: Divulgação )

Além de acompanhar os movimentos dos personagens na tela, o usuário opta se quer receber em seu aparelho dados da pontuação e anúncios relacionados aos games.
Clique aqui, aqui e aqui para assistir a vídeos que mostram o projeto na prática.

01519443200

Número para jogador participar aparece no topo do telão. À direita ficam instruções do jogo, que pode ser comandado via teclas ou voz. (Foto: Divulgação)

A empresa foi criada em 2007 por Jury Hahn, como resultado de seu trabalho de conclusão de curso na Universidade de Nova York, onde estudou Programas de Telecomunicação Interativos. “Detesto esperar em filas de aeroportos ou parques de diversão. Você fica olhando para o celular, assim como todos em volta. Então, por que não jogarem algo juntos?”, disse Jury em entrevista à revista “Wired”. Antes da Megaphone, a empresária trabalhou como designer de interface para uma grande fabricante coreana de telefones portáteis.






Publicidade

Deixe o seu comentário

Adicione seu comentário abaixo, ou trackback do seu próprio site. Você pode também se inscrever a este comentário via RSS.

Dicas; Seja simpático. Mantenha o post limpo. Permaneça no tópico dos comentários. E nada de spam heim!




Você pode usar essas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

O gravatar está ativado você pode usar o seu, se você não tem um Faça o seu gravatar aqui.